Perguntas frequentes

Sobre o Be on the Net

O que é o Be on the Net?

Be on the Net é um sistema feito para criar site. É uma infraestrutura já pronta, que nos permite construir rapidamente um site belo, profissional e fácil de usar. Em menos de 24 horas, você vai ter um site com design já finalizado, pronto para receber seu conteúdo.

No Be on the Net você pode criar páginas que apresentam textos e imagens, pode criar um formulário de contato e apresentar conteúdo proveniente de outros sites. Por exemplo, se você tiver fotos no Picasa Web, o Be on the Net pode apresentá-las em seu site. E se você tiver vídeos no Vimeo, ou no YouTube, eles também podem ser mostrados em seu site.

Ao todo, o Be on the Net é composto de 4 módulos básicos: o módulo de fotos, o de vídeos, o de textos e o de contato. Além disso, temos um módulo especial de R.S.V.P, para casos como os de cerimonialistas.

O que são os módulos do Be on the Net? O que eles significam?

Módulos são áreas do seu site especializadas num determinado tipo de conteúdo. O módulo de fotos é focado em exibir imagens estáticas (fotos, ilustrações, screenshots etc.). O módulo de vídeos exibe vídeos. O de textos é especializado em exibir textos em geral, e o de contato possui o formulário de contato para seu público entrar em contato com você. O módulo especial de R.S.V.P. tem um formulário próprio para que convidados de um evento confirmem sua presença.

É possível misturar um pouco os conteúdos dos módulos (pôr um pouco de texto nas páginas de fotos ou um pouco de vídeo nas de texto), mas cada módulo tem mais força na função para que foi feito.

O que o Be on the Net faz?

O que o Be on the Net não faz?

Para quem é o Be on the Net?

Projetamos o Be on the Net para atender, principalmente, às necessidades de profissionais liberais ou de pequenas empresas.

Be on the Net é para todos: fotógrafos, cinegrafistas, cerimonialistas, maquiadores, decoradores, designers, agências de design, donos de restaurante, atores, cantores, modelos, acrobatas, desenvolvedores, cartomantes, monges, astronautas. Na prática, qualquer pessoa com recursos e disposição para pagar R$ 129 mensais pode usar o Be on the Net, mesmo que nem seja um profissional. Be on the Net pode ser para você!

Geralmente, como se faz um site? Um designer, ou uma agência de design, cobra um bom montante para passar um bom tempo produzindo o site. Grandes empresas têm o capital para arcar com os custos e o tempo necessários para se fazer um site complexo e elaborado. Mas profissionais autônomos e pequenas empresas não.

Nosso objetivo é dar a essas pessoas e pequenas entidades a chance de ter uma presença online profissional, com um site bonito e simples de navegar, e por um preço acessível. O Be on the Net deliberadamente não dispõe das amplas e complexas funcionalidades necessárias para atender a empresas de grande porte ou grandes portais.

Quanto tempo leva para meu site ficar pronto?

Erguer a infraestrutura de seu site leva menos de 24 horas.

Antes de começar a preparar a infraestrutura, no entanto, há um período inicial cujo tempo é variável. É o período em que coletamos alguns dados seus para o contrato, elaboramos e enviamos o primeiro boleto, orientamos você a registrar um domínio — ou, caso já tenha um registrado, fornecer-nos acesso técnico a ele — e passamos os primeiros detalhes sobre o funcionamento de seu novo site. É, portanto, um período que depende um tanto de sua participação.

Assim que recebemos o comprovante de pagamento do primeiro boleto, começamos a erguer a infraestrutura. Daí, em menos de 24 horas seu site vai ao ar, pronto para receber seu conteúdo.

Adorei! Qual o primeiro passo para ter um site no Be on the Net?

1) Antes de mais nada, por favor, tire todas as suas dúvidas nesta página de perguntas frequentes, para se assegurar de que o Be on the Net atende a suas necessidades.

2) É importante que você tenha registrado para si um domínio. Para saber tudo sobre como registrar seu domínio, leia a seção Domínio e hospedagem e a página Criação e transferência de domínios.

3) Depois que você tiver passado pelos passos necessários para obtenção de domínio, você já terá entrado em contato conosco e informado seu domínio. A esta altura, retornaremos o contato com alguns emails de primeiros passos.

4) Envie os dados que pedirmos neste email de primeiros passos, para que possamos configurar sua conta e gerar seu primeiro boleto.

5) Nós configuramos seu site e o colocamos no ar assim que recebemos a comprovação do pagamento da mensalidade, seja através do próprio retorno do banco, ou através do envio do comprovante de pagamento.

Ao longo do processo de configuração do seu site, vamos trocar alguns emails para explicar em detalhes como usar o Be on the Net.

Eu mesmo posso construir o meu site?

Não, nós mesmos configuraremos os alicerces do site e o poremos no ar. Você entra com o conteúdo.

Qual é o horário de atendimento de vocês?

Nosso horário de atendimento por email é de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. Nos fins de semana e feriados nacionais não há atendimento.

É possível que não possamos responder imediatamente a algum email seu. Não fique triste; certamente nós já estamos no meio de uma resposta a algum chamado ou email no momento. Mas logo depois, poderemos ajudar você.

Para saber mais sobre nossos horários e modo de atendimento, por favor, entre em contato e solicite um email sobre atendimento.

Contrato

O contrato define o tempo contratual? Há um tempo mínimo de fidelização?

Não, não há fidelização nem tempo mínimo para ficar conosco. Você fica enquanto estiver contente e, caso não deseje mais usar o serviço, é só parar de pagar, que no dia do vencimento do boleto mais próximo o site sai do ar.

Não pago qualquer tipo de multa caso deseje parar de usar o serviço?

Não!   : )   Claro que faremos o possível para você adorar o serviço e usá-lo sempre! Mas, se um dia você quiser ir embora, pode fazê-lo sem nenhum problema e sem complicação.

Preço e pagamento

Quanto custa para ter um site no Be on the Net?

Apenas R$ 129,00 por mês.

Mas ei, dá para usar de graça! Saiba como.

Sim, mas quanto custa para criar o site?

O único custo do Be on the Net são os R$ 129,00 por mês. Você não paga nada para fazer o sistema, pois ele já está pronto. Você paga apenas para usá-lo.

Como assim? Por que não há nenhum valor adicional para criar o site?

Porque o Be on the Net já é uma infraestrutura pronta, sobre a qual hospedamos os sites. Como ela já está pronta, você não paga para criar o site. Paga apenas para usar a infraestrutura.

Pago R$ 129 por mês até quando?

Hoje e sempre. Quando você contrata o Be on the Net, não faz uma compra, mas sim o aluguel de uma infraestrutura.

Pagar R$ 129 por mês, sem término, não é caro?

Como prestamos este serviço para o Brasil inteiro, há lugares em que o preço poderá ser considerado salgado, e outros em que será tido como barato. Nosso cálculo procurou tornar o preço acessível à maior parte dos profissionais, em todo o Brasil.

De modo geral, um motivo que pesou na decisão do preço e no modo como cobramos foi que ele pode ser um custo irrelevante se você lucrar com o site. Nosso foco é que o site gere receita para nosso cliente. Se a receita for bem superior ao valor do site, o investimento acaba compensando. E diluir os 129 reais por mês dá a você a chance de começar lucrando desde o início.

Outros fatores pesam na definição do preço, como o leque de serviços que o Be on the Net oferece, que não exatamente encontra par em outros fornecedores, por preço parecido; e também o fato de já ser uma infraestrutura pronta: não há custos para erguê-la, ao passo que um designer ou agência de design cobraria, talvez, R$ 2.000 ou muito mais só para criar o site. E, enquanto um designer poderia levar semanas ou meses para colocar seu site no ar, com o Be on the Net você terá seu site funcionando em 24h.

Finalmente, vale notar que por R$ 129,00 mensais você terá paz de espírito, pois uma empresa cuidará de seu site permanentemente. Portanto, terá alguém assegurando que o site esteja no ar 24h por dia, mostrando seu trabalho de forma elegante, rápida e fácil de usar. E, se um dia ocorrer algum problema, você terá a nossa ajuda e não terá que pagar nada a mais, pois estaremos aqui cuidando de tudo por você.

Agora, se você ainda acha caro, que tal pagar menos ou até mesmo usar o Be on the Net de graça? Sim, é possível. Continue lendo.

Há algum tipo de desconto? Qualquer um?

Sim, é possível pagar menos e até usar o Be on the Net de graça!   : )   Você pode:

O que está incluso nesta mensalidade de 129 reais?

Basicamente, tudo o que você vê na lista sobre o que o Be on the Net faz.

Mais detalhes:

Nota: mesmo que você esteja usufruindo de algum desconto ou até mesmo usando o Be on the Net de graça, toda a lista acima ainda vale.   : )   Quê, ainda não sabe como usar Be on the Net de graça? Saiba agora!

Como é feito o pagamento?

O pagamento é efetuado através de boleto bancário com vencimento sempre no dia 10 de cada mês. Este pagamento é adiantado, portanto, você paga pelo período de um mês em que usará o produto logo após o vencimento. Por exemplo, o pagamento no dia 10 de abril dará direito ao uso do produto entre 10 de abril e 09 de maio.

A partir da data do primeiro pagamento, o site entra no ar em 24 horas?

Exato. Assim que recebermos o comprovante do primeiro pagamento (você pode enviá-lo a nós por email), começaremos a erguer seu site. Este processo dura menos de 24 horas.

Quero mostrar só algumas poucas fotos e um ou outro texto. Vocês têm algum plano alternativo, mais barato, ou um pacote mais básico?

Só existe um único pacote de uso, para muitas ou poucas fotos, com um preço fixo e único de R$ 129 por mês.

Mas claro que dá para ficar mais barato! É possível até mesmo usar o Be on the Net de graça! Saiba como.

Além dos R$ 129,00 por mês, existe algum outro valor adicional?

Não. Não existe nenhum valor adicional a ser pago para nós. Entretanto, tenha em mente o seguinte:

O que acontece se o pagamento dos R$ 129 não for feito até o dia 10? Pago multa?

Não, não há qualquer multa no Be on the Net. No caso, o site simplesmente sai do ar, até que o pagamento seja feito.

Para efetuar o pagamento atrasado, basta solicitar-nos um novo boleto, com nova data de vencimento.

Se eu ficar vários meses com site fora do ar, sem pagar o Be on the Net, quando quiser voltar vou precisar arcar com as pendências dos meses anteriores?

Não! É só pedir um boleto para o mês corrente e pagar, que o site volta ao ar normalmente! Aqui no Be on the Net é assim, pagou levou!   : )

O mesmo vale para o caso de quem foi cliente, depois deixou de ser por vários meses, e por fim resolveu voltar a usar nosso serviço.

O desbloqueio de um site suspenso é automático? É instantâneo?

Um site suspenso é posto de volta ao ar manualmente, tão logo recebamos um comprovante de que ele foi pago.

Se eu quiser parar de usar o Be on the Net, é só parar de pagar, certo?

Certo. É só enviar-nos um email com os dizeres “pessoal, vocês são incríveis, os maiorais, mas infelizmente não estou podendo no momento”... OK, brincadeira. Basta somente nos avisar que vai deixar o serviço, e parar de pagar.

Seu site vai ficar no ar até o vencimento do boleto mais próximo, quando então vai sair do ar. Daremos a você instruções e algum suporte para migrar para outro serviço, se você assim desejar.

Você não paga nenhuma multa se quiser deixar de usar o serviço, pois nosso contrato não tem nenhuma cláusula que force você a utilizar nosso serviço por um tempo mínimo. Muito pelo contrário. Queremos que você tenha a liberdade de vir e utilizar o Be on the Net apenas se e enquanto estiver sendo útil para você.

Domínio e hospedagem

Preciso criar um novo domínio, ou posso usar um domínio que já possuo?

Você pode usar o Be on the Net em um domínio novo, ou em um que você já tenha. Vai funcionar tanto em um caso, quanto no outro.

Como faço para saber se o domínio de meu interesse está disponível?

Para isso, acesse o site do Registro.br e, logo no início, sob a seção “Registre seu domínio”, preencha o campo disponível com o domínio de seu interesse (ex.: enderecodomeusite.com.br ou meupropriodominio.art.br). Clique no botão Pesquisar, e você vai saber se o domínio está disponível.

Ainda não tenho um domínio. Como faço para ter um?

Caso você descubra que o domínio está livre, é preciso criar uma conta no Registro.br para então registrar o domínio. Nós fizemos dois vídeos que ensinam como trilhar cada um destes passos. Por favor, assista a ambos com atenção.

Observação: os vídeos a seguir servem somente para o caso de se fazer um domínio .br. Para domínios internacionais (.com, .org ou .net), leia sobre como criar um domínio internacional.

  1. Registro.br: como criar uma conta
  2. Registro.br: como criar um domínio

Depois de realizar os passos dos dois vídeos e criar seu domínio, leia sobre como criar seu site no Be on the Net.

Só posso ter domínios que terminem com .com.br?

Não. Você pode ter domínios brasileiros de vários tipos. Para conhecer o enorme leque de possibilidades à disposição, consulte a lista completa das categorias de domínios do Registro.br.

E isto são só os domínios nacionais! Se você quiser um domínio internacional (o domínio beonthe.net é um exemplo), há mais outros tipos de categoria que você pode conseguir. Mas o Registro.br não fornece esses tipos de domínio — você precisa pesquisar em outros serviços de registro, como por exemplo o Hover.

Vocês fazem o registro do domínio para mim?

Não. Seu domínio é sua marca pessoal (ou empresarial) na internet. Assim como seu logotipo, seu domínio deve pertencer a você somente, e não deveria ficar em poder de qualquer empresa de hospedagem. Por isso incentivamos você a registrar o próprio domínio; assim, terá posse e controle sobre ele, mesmo que queira deixar o Be on the Net no futuro.

Não tenho pessoa jurídica, nem sou profissional liberal. Posso fazer um domínio assim mesmo?

Sim! Hoje em dia qualquer pessoa que tenha um CPF pode fazer um domínio .com.br ou similar. Vai fundo!

Já tenho um site em meu domínio e gostaria de mantê-lo em operação enquanto organizo meu material no novo site do Be on the Net. Isso seria possível?

Claro. Neste caso, você receberá um endereço temporário para seu site no Be on the Net. Por exemplo, se seu domínio é meusitelegal.com.br, seu endereço temporário vai ser meusitelegal.beonthe.net. Assim, você poderá organizar todo o seu conteúdo e, quando estiver tudo em ordem, faremos a troca no seu domínio, de modo que ele passe a mostrar o novo site.

Preciso contratar um serviço de hospedagem para instalar o sistema?

Não. O Be on the Net usa hospedagem própria, de modo que você não precisa se preocupar com isso.

Vocês fornecem FTP?

Não, não fornecemos qualquer suporte a FTP. Nossa hospedagem é voltada apenas para hospedar seu site e nada mais. Mas se você tem interesse em trocar arquivos grandes com outras pessoas, podemos sugerir os sistemas Dropbox (que é bem simples de usar e tem um plano gratuito para armazenagem até 2 GB), Google Drive (oferece 5 GB gratuitos) ou Copy (que oferece 15 GB de graça!).

Fotos, vídeos e textos

Uma vez criado o site, quem atualiza o conteúdo de fotos e vídeos?

Se você tiver fotos e vídeos em serviços externos tais como Picasa Web, Vimeo e YouTube, estes conteúdos podem ser mostrados em seu site do Be on the Net, com facilidade.

Naturalmente, quem atualiza o conteúdo nesses serviços externos é você mesmo. O que quer que você coloque lá poderá ser mostrado em seu site, sem depender da nossa intervenção.

Portanto, você tem total liberdade de atualizar as fotos e vídeos que aparecerão em seu site, no ritmo que lhe for mais conveniente, sem depender de nós e sem precisar pôr a mão em código algum.

Enviaremos alguns emails e vídeos explicativos, que vão orientar você em todo o aprendizado necessário para atualizar seu site livremente com fotos e vídeos provenientes de um ou mais desses serviços externos.

E como faço para inserir textos no site?

Por enquanto nós mesmos fazemos isso. Basta enviar-nos o texto que quer ver em seu site, que iremos colocá-lo no ar.

Se você tem necessidade de publicar textos com frequência, podemos sugerir que adote um sistema externo de blog (tal como Blogger ou Tumblr), e nós o atrelamos ao seu Be on the Net (saiba mais sobre isso na seção Blog).

Agora, se o foco do site que você deseja é predominantemente textual, e você tem mesmo necessidade de atualizar regularmente os textos, podemos sugerir que, em vez do Be on the Net, você adote um Sistema de Gerenciamento de Conteúdo (CMS), como o Joomla!, o WordPress ou o Drupal, mais adequados para sites que demandem atualização muito frequente de textos.

Posso enviar fotos e/ou vídeos para vocês fazerem o upload para mim?

Não. Fotos e vídeos são mostrados no seu Be on the Net se você quiser mostrar o conteúdo que possui em serviços externos, tais como Picasa Web, Vimeo e YouTube. O uso de tais serviços é responsabilidade única e exclusivamente sua. Nós não teremos acesso direto para fazer upload de seu conteúdo para nenhum desses serviços. Portanto, caberá a você mesmo colocar nos mesmos o conteúdo que desejar.

Posso colocar slideshow no site?

Sim, desde que seja no formato de vídeo e desde que você esteja apresentando em seu site conteúdo de um dos serviços de vídeo cujos conteúdos o Be on the Net é capaz de mostrar, tais como o Vimeo e o YouTube. Nesse caso, seu slideshow se comportará como mais um vídeo que aparecerá em seu site. E você poderá mostrar no site tantos slideshows quanto desejar.

Bloqueio de imagens (proteção de fotos)

Vocês protegem as minhas fotos contra cópia? Oferecem qualquer função de bloqueio de fotos?

Não. A razão pela qual não colocamos nenhuma “proteção” nas fotos é simples: é impossível proteger imagens de fato, uma vez que estejam em um site e, portanto, em formato digital.

E é justamente isso que pode atuar a seu favor.

Áreas exclusivas (com login e senha)

É possível ter uma área protegida com login e senha para as fotos?

Não. E isso é proposital. Nós projetamos o sistema para que as fotos ficassem sempre abertas e disponíveis para serem vistas por qualquer pessoa.

Quando projetamos o Be on the Net, nosso principal objetivo foi que ele se tornasse uma excelente ferramenta de vendas para você. E para vender cada vez mais, é essencial que você exponha o seu trabalho o máximo possível.

Se você coloca seu trabalho em uma área protegida por login e senha, você dificulta a venda, porque impede que uma grande quantidade de pessoas conheça seu trabalho.

É claro que existem boas razões para você querer usar login e senha para apresentar seu trabalho, mas essas razões não estão alinhadas com nosso propósito principal de tornar o Be on the Net uma ferramenta de vendas para você. Sendo assim, optamos conscientemente por não fornecer essa opção e não temos planos de fornecê-la futuramente.

Mas meus clientes não querem que suas fotos fiquem expostas. Como fica?

Você tem absoluta certeza disso? Fazemos essa pergunta porque a nossa experiência tem demonstrado exatamente o oposto. Ao que tudo indica, os clientes querem, cada vez mais, que suas fotos fiquem expostas. Até para facilitar que amigos e parentes distantes tenham acesso a elas.

A Patricia Figueira, que foi a primeira pessoa a usar um site no Be on the Net, teve a oportunidade de validar essa questão. Usando o sistema desde 2008, dessa forma, com todas as fotografias expostas, houve apenas uma cliente que pediu para que suas fotos não fossem publicadas no site.

Portanto, é possível que uma vez ou outra algum cliente seu não queira ter suas fotos no site. Mas essa tende a ser a exceção. Vivemos em um mundo de redes sociais, onde a primeira coisa que as pessoas fazem quando tiram fotos é justamente colocar no Facebook, Google+, Picasa Web, WhatsApp e outros repositórios de fotos para que seus parentes e amigos vejam.

Mas ainda assim pode haver um cliente que não queira ter suas fotos expostas.

Sim, é verdade. Infelizmente o Be on the Net não poderá ajudar nestes casos isolados. Então, o que vai acontecer é que você terá de usar outra forma de mostrar as fotos para o cliente nesta situação. Por exemplo, enviando o DVD, imprimindo um álbum de provas ou usando qualquer outro meio que você já utilize atualmente, enquanto ainda não tem um Be on the Net. Se quiser, podemos inclusive colocar em seu site um link para algum outro sistema online que você use e que ofereça login e senha.

Temas (templates) e customização do layout

Como funciona a parte do layout?

Você pode usar um dos temas que já estão prontos para o Be on the Net. Ou você pode criar um novo, completamente personalizado para as suas necessidades, alinhado com a sua identidade visual.

Se você adotar um tema pronto (ou template, como chamamos aqui), seu site poderá entrar no ar imediatamente e você não terá nenhum custo adicional com a parte do layout. Você apenas deverá nos informar qual o tema da sua preferência.

Você pode até mesmo experimentar um ou mais temas antes de decidir qual desejará usar definitivamente (alguns deles permitem experimentar combinações de cores). Trocar o tema de um site é muito rápido e não tem nenhum custo. Portanto, a qualquer momento, enquanto você tiver um site no Be on the Net, você poderá solicitar a troca de um layout por outro.

E se eu quiser fazer um layout personalizado?

Basta falar com um dos designers capazes de customizar layouts do Be on the Net:

Escolha qualquer um deles, e ele vai fazer um orçamento de acordo com a complexidade de seu pedido:

Agora, uma nota: personalizar um layout leva tempo. Fizemos temas prontos justamente para que seu site vá ao ar no menor tempo possível (em até 24 horas) e você já possa começar lucrando com ele. Portanto, mesmo que você deseje um design customizado, sugerimos que comece com um dos temas prontos, só para ter algo no ar imediatamente, e à medida que o site lhe trouxer retorno, solicite no futuro uma customização.

Posso contratar meu próprio designer para fazer um layout personalizado?

Pode sim. Neste caso, nós entregaremos a ele um pacote com todos os arquivos HTML necessários para ele elaborar o código CSS. Por isso, é importante que seu designer domine HTML e CSS.

Pode ser que seu designer não saiba de código, e domine somente ferramentas de design gráfico, como Photoshop. Neste caso, ele deverá conversar conosco para saber o que é possível fazer no Be on the Net e como melhor traduzir o layout dele para nosso sistema. Seu designer vai ser instruído no sentido de enviar os arquivos necessários do modo mais adequado para a transformação em código, e nosso designer vai então fazer um orçamento para traduzir o design dele para código CSS.

Opa, orçamento? O valor único do Be on the Net não era R$ 129 por mês?

Nós queremos que o valor que você paga a nós seja o mínimo possível, de R$ 129 por mês. Por isso mesmo investimos um tempo inicial em disponibilizar layouts prontos que você pode usar sem custo adicional algum. Portanto, é perfeitamente possível usar o Be on the Net pagando a nós unicamente os R$ 129 por mês.

A customização parcial ou total de um site é opcional. Ela é possível, mas bastante trabalhosa, e desvia um bocado de tempo e esforço de nossa equipe. Aqui nós somos poucas pessoas, completamente dedicadas em assegurar que a infraestrutura funcione corretamente, o tempo todo. Queremos que cada cliente do Be on the Net tenha o melhor site possível e sempre funcionando muito bem. Sendo assim, dedicamos toda a nossa atenção para este trabalho e, para ser francos, não sobra muito tempo para preparar layouts personalizados para tantos clientes. Então, esforçamo-nos para elaborar temas prontos que sejam cada vez mais fáceis de retocar e adaptar a necessidades individuais, para evitar ao máximo cobrar valores extras.

Ocasionalmente, no entanto, um cliente deseja ter algo mais exclusivo. Isso implica criar as imagens que compõem o layout — ícones, setinhas, ilustrações, adornos e outros símbolos — harmonizá-las com a combinação de cores, definir nova tipografia, acompanhar a ida e volta do layout até a aprovação do cliente e, finalmente, escrever o código que vai trazer o novo design ao ar, prestando atenção se funciona nos vários navegadores e dispositivos existentes.

Para estes clientes que fazem questão de um design exclusivo, fazemos um orçamento proporcional à complexidade do pedido, por fora da mensalidade do Be on the Net, e que vai ser pago um única vez (não é mensalidade nem anuidade).

Cabeçalho, menu e rodapé do seu site

Posso colocar meu próprio logotipo no site?

Claro, naturalmente. Para isso, basta que você nos envie o logotipo em um dos formatos abaixo. Nossa preferência é pelos formatos mais próximos ao topo da lista.

Quem coloca seu logotipo no site é a própria equipe do Be on the Net. Colocar o logotipo no site não é considerado uma personalização do template e por essa razão não traz nenhum custo adicional.

Uma nota sobre arquivos .CDR de CorelDRAW: aqui no Be on the Net trabalhamos somente com sistemas Mac OS. A Corel descontinuou o desenvolvimento de seu CorelDRAW para Mac, e até hoje ainda não lançou uma versão nova compatível com este sistema. Portanto, não podemos receber logotipos em arquivos .CDR aqui. Por gentileza, avise à pessoa que criou seu logotipo que converta o arquivo .CDR para qualquer um dos formatos listados acima, .AI de preferência.

Sim. Cada cliente tem uma área de atuação e vários tipos de conteúdo que deseja mostrar no site. O menu pode e deve ser usado pelo cliente para separar os diversos conteúdos a serem apresentados. Portanto, é o cliente quem nos informa como deseja que o menu seja montado. E cabe a nós implementar sua escolha. Inclusive o cliente pode fazer alterações no menu, ao longo do tempo, sem nenhum problema e sem custo adicional.

Não. Em nome da simplicidade e da facilidade de navegação, os menus do Be on the Net têm necessariamente um único nível. Ou seja, todos os itens do seu menu virão logo de cara, no topo do site. Seus visitantes agradecem!

É possível tirar do rodapé do meu site aquele logotipo do Be on the Net?

Sim. Mas aí a mensalidade subiria para R$ 1290,00.

Fazer software é caro. Criar um negócio em torno de software é mais caro ainda e extremamente arriscado. Nós investimos uma pequena fortuna na criação do Be on the Net.

A questão é: como recuperar esse investimento, cobrando R$ 129,00 por mês de cada cliente? Esse valor é muito baixo em relação a todo o montante investido. Então, a gente não consegue só com a mensalidade. Tembém precisamos da publicidade. Com ela a gente consegue mais clientes para ajudar a pagar o custo de criação do Be on the Net.

Se somos privados dessa publicidade, perdemos oportunidades de ganhar novos clientes e, portanto, receita. Então, preferimos manter a publicidade e o preço de R$ 129,00 por mês. É possível remover essa publicidade, desde que sejamos compensados com um valor mais elevado de mensalidade, que neste caso seria de R$ 1290,00.

Mas e meus concorrentes? Se eles clicarem no logo, vão saber quem fez meu site e vão querer um igual para eles!

É verdade. Do ponto de vista de um profissional que possui um Be on the Net, isso pode ser uma perspectiva assustadora. Do nosso ponto de vista, contudo, a propagação é mais que desejada: ela garante o leitinho das crianças.

Pedir para tirarmos do rodapé nosso logotipo seria como, por exemplo, pedir para a Nikon retirar seu logotipo de suas câmeras, para que outros fotógrafos nunca descubram quem fez aquela máquina tão poderosa e assim nunca possam ter uma igual. Do ponto de vista dos negócios da Nikon, seria não somente inadmissível, como também um esforço inútil: no atual mundo da abundância em que vivemos, a informação está em todo lugar e seu concorrente vai descobrir quem fez a máquina, ou quem fez o site.

Há muitos fatores em jogo além do site. O que diferencia seu serviço do serviço prestado por seu concorrente é um conjunto de coisas e não apenas o site. Cuide bem de todo o conjunto e você não terá de se preocupar se o seu concorrente tem ou não tem um Be on the Net. Aliás, muito mais importante do que quem fez o seu site é o trabalho que está exposto em seu site. Isso é o que mais irá diferenciar você de sua concorrência.

Email

É possível criar um email para contato com o meu próprio domínio?

Sim, mas não diretamente através do Be on the Net.

Em detalhes: se seu domínio é meusitelegal.com.br, você pode criar um endereço de email tal como . O Be on the Net é um sistema que gera sites, mas que não possui hospedagem própria de emails ou recursos de criação de contas de email. Para criar sua conta, será necessário contratar um serviço externo ao Be on the Net, como o da Locaweb ou o Google Apps.

Há serviços excelentes de hospedagem de emails por aí. Pessoalmente, podemos recomendar o Google Apps, que hoje em dia vale US$ 5 por endereço de email por mês.

Uma vez contratado o serviço de hospedagem de emails de sua escolha e criado o endereço desejado, basta enviar para nós as configurações que o serviço exige para o funcionamento de sua caixa de entrada (registros CNAME, TXT e/ou MX). Vamos aplicá-las aqui, e dentro de algumas horas seu email estará plenamente funcional.

Blog

O Be on the Net oferece blog?

Não, não temos um sistema próprio de blog. Mas você pode criar uma conta em um sistema externo de blog, e colocaremos um link para ele no menu do seu site.

Que sistema de blog eu uso? Vocês recomendam algum?

Há muitos sistemas de blog à escolha. Entre os mais conhecidos estão o WordPress, o Blogger/Blogspot e o Tumblr.

Enfim, os sistemas são muitos e sua escolha vai depender de suas necessidades. Nós podemos colocar um link no seu site, para o seu blog, onde quer que você o tenha criado.

Como faço para ter um site no Be on the Net e um blog?

Crie uma conta em um sistema de blog de sua escolha. Depois de criar, ou se você já possuía um blog, é só nos enviar o endereço do mesmo. Nós criaremos uma aba “Blog” no menu do seu site, contendo um link para seu blog.

Como faço para criar uma conta de blog?

O passo a passo vai depender do sistema que você escolher. Cada um tem seu jeito, e como os sistemas são externos ao Be on the Net e são muitos, é complicado tentarmos cobrir cada um.

De modo geral, você precisa cadastrar neles um email e uma senha, e eventualmente adotar um nome de usuário. Mais uma vez, depende de cada um. Por favor, consulte o sistema de ajuda do blog de sua preferência para obter mais informações.

Vocês configuram e/ou desenvolvem um blog para mim, no sistema que eu escolher?

Não. A configuração e/ou desenvolvimento do blog ficam por sua conta.

Já tenho um blog. Vocês podem ligá-lo ao Be on the Net?

Certamente. É só nos dizer o endereço de seu blog, que vamos fazer uma aba “Blog” no menu do seu site, contendo um link para seu blog.

É possível personalizar o endereço do meu blog?

Sim. Por exemplo, se você tem um site no Be on the Net chamado meusitelegal.com.br e tem um blog chamado meusitelegal.wordpress.com, é perfeitamente possível fazer ele virar blog.meusitelegal.com.br.

Essa operação vai depender de uma ação conjunta nossa e sua. Primeiro, você precisa consultar a Ajuda do sistema de blog que você escolheu, e descobrir como executar a operação de personalização de endereço. Nem tudo nesta operação estará a seu alcance: alguns passos dependem de nós. Por isso, a seguir, forneça-nos a informação necessária para que possamos fazer a mudança do endereço (geralmente tem a ver com DNS ou A-records), e nós a aplicaremos. Em algumas horas, a mudança fará efeito.

Observação: alguns serviços de blog cobram uma pequena taxa para permitir a personalização do endereço. Quando esse for o caso, tal taxa será paga exclusivamente ao sistema de blog, que não tem nenhum vínculo com o Be on the Net e, portanto, não nos repassa nenhuma parte do valor que vier a ser pago.

Meu blog não tem a mesma cara do meu site do Be on the Net! Como faço para ter um blog com a mesma cara do meu site?

É preciso ter conhecimento de HTML e CSS para mudar o layout do seu blog e deixá-la com a mesma cara de seu site.

O único porém é que, como blogs são sistemas externos ao Be on the Net, não somos nós que fazemos o design. Para customizar um blog, tipicamente é preciso que você ou alguém de sua equipe entenda de HTML e CSS.

Mas alguns sistemas de blog permitem algum nível personalização sem que você precise pôr a mão em código. Você pode não obter o design idêntico ao do seu site do Be on the Net, mas pelo menos pode ter as mesmas cores.

Vocês disponibilizam seus templates como tema para WordPress ou algum outro sistema de blog?

Não. Mas qualquer pessoa pode adaptar livremente nossos templates para o WordPress ou outro sistema se assim desejar.

Em alguns sistemas de blog, criar um menu com links é mais simples, e pode ser feito na própria área administrativa do seu blog. Em outros, pode ser necessário inserir algum código HTML para que os links funcionem. De qualquer modo, links para o seu site são criados por você na área administrativa de seu blog.

Ufa, você se informou bastante mesmo, hein? Então é uma pessoa mais que preparada para criar seu site! O que está esperando?, peça o seu!